Lagoa da Prata / MG - sexta-feira, 21 de julho de 2017

Aleitamento Materno

 

 

Aleitamento Materno

 

 

 

Os pais devem e precisam ser bem informados, sobre todas as vantagens da amamentação. Cabem aos profissionais de saúde, exercer o importante papel de promover e incentivar o aleitamento materno, através do preparo e orientação das mães para uma amamentação bem sucedida.

O recém-nascido necessita de adequada nutrição, afeto, estímulo e proteção. O aleitamento materno oferece tudo isto e propicia ao recém-nascido começar melhor sua vida. Assim, para que o aleitamento materno seja bem sucedido e ocorra por um tempo prolongado, é necessário que a mãe tenha o apoio da família, da comunidade e dos profissionais de saúde. Todos têm uma parcela de contribuição a dar neste processo, por isso que o aleitamento materno é uma responsabilidade de todos.

 

 

 

 

 

          Por que Amamentar

 

 

 

       Um bom alimento é fundamental para o desenvolvimento e crescimento da criança. O melhor alimento do mundo para o bebê é o leite materno. Amamentar é essencial para o bem-estar atual e futuro do bebê. O não amamentar está relacionado a problemas no desenvolvimento psicológico e emocional da criança, bem como a maior facilidade para contrair doenças infecciosas e alérgicas. O ato de amamentar representa a ocasião em que a criança recebe mais intensamente os carinhos da mãe. Não é só uma questão de matar a fome, mas também do prazer de sugar o seio materno. O bebê fica totalmente entregue ao ato de mamar, nos braços de sua mãe e expressa claramente seu prazer, mantendo o olhar vivo, agradecido, fixo nos olhos da mãe. Estes momentos constroem uma base sólida, na qual se erguerá um novo ser. Além disso, a amamentação prolonga seus efeitos por toda a vida.

 

Amamentar, Todas Conseguem ?

 

 

      Os seios se desenvolvem muito durante a gravidez, preparando-se para produzir leite. Seria muito estranho que, justamente depois do nascimento do bebê, o leite sumisse de repente. Muitas mães querem dar o peito e não conseguem. Por quê ? Em quase 100% das vezes o problema não é do peito. A maioria das mães deixa de amamentar, por achar que determinada dificuldade que enfrenta, não tem solução. Praticamente em todos os casos a solução existe e é normalmente simples. É preciso ter isto em mente e recorrer ao seu pediatra, se algo na amamentação não estiver correndo bem.
       Toda mãe tem leite suficiente para seu filho. O leite pode demorar para descer, mas sempre vem. Essa demora pode angustiar a mãe inexperiente, que se apressa em oferecer a mamadeira a seu filho, o que é um perigo, pois é muito mais fácil para o bebê sugar a mamadeira que o seio, e com isso ele pode dar preferência à mamadeira. Muitas vezes o próprio profissional de saúde, familiares e outros reforçam essa decisão materna.
       O importante não é fazer uma relação enorme de pequenos problemas que podem atrapalhar a amamentação, mas lembrar que todos têm solução fácil.

 

Vantagens Para a Mãe

 

 

      A mãe também é beneficiada com a amamentação, pois perde menos sangue após o parto, devido à contração uterina provocada pela sucção do seio, sua barriga diminuirá mais depressa e seu peso chegará mais rápido ao normal. Além disso a amamentação representa mais comodidade, como :

  • o leite materno está sempre pronto, não precisando de preparo.
  • nunca azeda ou estraga na mama.
• o leite materno é o mais barato, pois não precisa comprar.

 

 

 

 

Aleitamento - Valor Emocional

 

 

     Das inúmeras diferenças entre o leite de vaca e o leite materno, a mais importante é o componente exclusivo, que só o leite materno tem, o calor humano. O aconchego, o carinho, o afeto e a segurança decorrentes deste contato íntimo com a mãe, fazem do ato de amamentar um ato sublime de amor. Quando não é dado o seio, resta uma relação muito fria com a mamadeira.. A amamentação está profundamente ligada ao bom desenvolvimento emocional dos bebês. A amamentação influenciará decisivamente em sua futura maneira de ser, de viver e de se relacionar com outras pessoas.

 

Horário das Mamadas

 

 

     A criança deve mamar livre demanda, ou seja, a hora que quiser. As crianças podem mamar muito irregularmente no começo, mas a maioria adquire um certo ritmo depois de uma ou duas semanas. Fazer com que a criança mame apenas em horas determinadas interfere no aleitamento materno.

 

 

 

Arroto

 

 

      Ao final da mamada, coloque o bebê em posição vertical (em pé), com a barriguinha encostada em seu seio, para que ele possa expulsar o ar que engoliu juntamente com o leite. Alguns arrotam logo, mas outros podem levar até meia hora ou mais para expulsar o ar engolido. Caso a criança não arrote, após determinada mamada, não se preocupe e nem faça isto um motivo de preocupação. Coloque-a deitada de lado que mais tarde ela expulsará o ar engolido

 

Aleitamento Exclusivo

 

 

     O ideal é que a criança mame exclusivamente no peito até completar 6 meses. Até mesmo a água e o chá não devem ser dados, pois podem prejudicar o aleitamento materno. Somente depois de 6 meses é que deveriam ser incluídos gradativamente sucos, chás, água, frutas e papinha de sal. Só que hoje em dia muitas mães precisam trabalhar fora de casa e devido a esta necessidade, estes alimentos são introduzidos mais precocemente, entre 3 e 4 meses e quando a criança está com 6 meses, já come de tudo.

 

Higienização dos Seios

 

 

     Deve ser feita simplesmente com água. Qualquer outra substância, como sabonete é prejudicial para a pele da aréola e do mamilo, retirando sua oleosidade natural. A pele fica seca e pode apresentar fissura ( rachaduras ). Por isso os seios não devem ser lavados a cada mamada e um banho diário é suficiente.

 

 

 

Palpites de Fora

 

 

     A mulher que acabou de ter filho é cercada por pessoas sempre bem intencionadas, como amigos e parentes, que sempre têm um palpite certo para dar e uma fórmula mágica para tudo. Freqüentemente, isto deixa a mãe confusa e bastante atrapalhada, com dificuldade de selecionar o que pode aproveitar e o que deve ignorar. Por isso sempre que estiver em dúvida com alguma coisa, consulte seu pediatra ou obstetra e não faça nada com a criança se não tiver absoluta certeza.

 

Rachadura do Mamilo ( Fissura )

 

 

      A rachadura ( fissura ) do mamilo é muito dolorosa e dificulta muito a amamentação. Pode ser causada pela limpeza exagerada dos seios, principalmente com substâncias irritantes, como sabão, cremes ou pomadas. Outras causa é a tração do mamilo, quando a mãe retira o bebê do seio, sem colocar seu dedo mínimo no canto da boca da criança, para que esta abra a boca. Outra causa é quando a criança na hora de sugar, não pega a aréola e sim apenas o mamilo.

 

 

 

Conclusão

 

 

      O que foi dito acima, é muito pouco sobre amamentação, mas poderá ajudar em algumas ocasiões e tirar eventuais dúvidas. Em quaisquer outras situações em que você não tiver segurança do que está acontecendo, consulte seu obstetra ou pediatra de confiança. Lembre-se que amamentar é criar um vínculo de amor por toda a vida com seu filho, formando um ser humano que será capaz de enfrentar qualquer adversidade na vida, pois recebeu o maior presente de sua vida ... O amor de sua mãe !!